terça-feira, 17 de julho de 2012

DOAÇÃO DE LEITE MATERNO




Há muitas mães que, infelizmente, não podem amamentar o filho recém-nascido com o seu próprio leite. Seja por serem portadoras de doenças transmissíveis pelo leite, seja porque têm problemas nas mamas ou porque não produzem leite.
Por outro lado, algumas mulheres produzem leite demais. 
O leite em excesso pode ser armazenado para dar à criança quando a mãe estiver ausente, por exemplo… Mas também pode ser doado a um Banco de Leite Humano.
Para ser doadora basta estar bem de saúde, ter exames normais do pré e do pós-natal, não fumar mais do que 10 cigarros ao dia – o ideal seria mesmo não fumar – e estar livre do uso de qualquer droga ilícita. Além disso, há uma porção de remédios contraindicados durante a fase de amamentação, portanto, informe-se, leia a bula e, caso tenha qualquer dúvida, consulte um médico.
(fonte imagem e texto: http://muitapimenta.com)
Para mais detalhes veja o site: Portal da Saude  ou ligue para 0800-0268-877

Um comentário:

manfarita disse...

Quando tinha 22 anos fiz uma redução mamária, e quando tive meu primeiro filho, descobri que minha produção de leite era muito pequena, 50ml, e agradeço muito, muito mesmo à pessoa que fazia doação ao banco de leite, ia até lá e retirava os frascos com leite congelado gratuitamente e assim garantir a saúde do meu filho!! É muito importante mesmo a doação de leite humano, meus parabéns a quem doa!
Beijos
Paula